08 janeiro 2015

Município de Viana do Alentejo assinala 117º aniversário da restauração do Concelho

O Município de Viana do Alentejo assinala no próximo dia 13 de janeiro, mais um aniversário sobre a restauração do Concelho, passados que estão 117 anos.

O Município de Viana do Alentejo assinala no próximo dia 13 de janeiro, mais um aniversário sobre a restauração do Concelho, passados que estão 117 anos.

Para assinalar a data, a Câmara Municipal de Viana do Alentejo vai proceder à entrega de medalhas de honra do Município a duas associações – “AJAL – Associação de Jovens de Alcáçovas e Associação Equestre de Viana do Alentejo, numa cerimónia marcada para as 11h00, no Cineteatro Vianense.

O Município vai ainda agraciar duas personalidades do concelho com a Medalha de Honra pelo importante contributo prestado ao longo da sua vida, em prol da população. São eles Francisco António Sítima, ex-provedor da Santa Casa da Misericórdia de Viana do Alentejo e António José Galvão, ex-provedor da Santa Casa da Misericórdia de Alcáçovas.

O programa das comemorações tem início dia 10, sábado, com a III Caminhada “Luís Filipe Martins Branco”, que tem partida marcada no Pavilhão Municipal, às 9h30. As inscrições devem ser efetuadas até dia 9 de janeiro, no Balcão Municipal, em Viana do Alentejo e nas Bibliotecas de Aguiar e Alcáçovas. À noite, pelas 21h30, o Grupo de Teatro Amadores de Vila Viçosa, apresenta a peça “Casamento por encomenda”, encenada por Luís Vinagre. No domingo, pelas 17h00, a MODA – Associação do Cante Alentejano apresenta no Cineteatro Vianense, o livro “O Cante Alentejano, os Grupos Corais e a sua Salvaguarda”. Uma hora depois, tem início o Encontro do Cante Alentejano classificado em finais de novembro pela UNESCO, como Património Cultural Imaterial da Humanidade. O espetáculo dá pelo nome de “Património da Humanidade: Onde o Cante encontra o Fado” e decorre no Cineteatro Vianense, com a participação dos grupos corais do concelho e do fadista Luís Caeiro.

No dia 13, para além da sessão solene que assinala o 117º aniversário da restauração do concelho e que distingue duas associações e duas personalidades com a medalha de honra, à tarde, pelas 15h00, Luís Miguel Banha apresenta, na Escola de São João, em Viana do Alentejo, o seu livro “ILARVS: Contributo para o Estudo da Olaria Tradicional de Viana do Alentejo”, seguido da inauguração da exposição “Memórias do Verde Barro: Homens e técnicas da tradição oleira vianense”, do mesmo autor. Esta exposição está patente ao público até dia 13 de fevereiro e pode ser visitada entre as 14h00 e as 18h00.

Recorde-se que foi, precisamente, a 13 de Janeiro de 1898 que um movimento de âmbito nacional, encetado por António Isidoro de Sousa, restaurou o Concelho de Viana do Alentejo, que tinha sido extinto em 1895, pela reforma administrativa de João Franco, e integrado no Concelho de Évora. António Isidoro de Sousa figura maior da história de Viana do Alentejo e um dos mais destacados reformistas do País do seu tempo foi, depois dessa data, Presidente da Câmara Municipal deste concelho.

 

​cmva

© 2013 - Câmara Municipal de Viana do Alentejo Termos de Responsabilidades Condições de Privacidade made by |create| it |