03 maio 2019

45 anos de abril celebrados no concelho de Viana do Alentejo

O Município de Viana do Alentejo assinalou os 45 anos do 25 de abril com a realização de um programa cultural e desportivo que teve início dia 20, que incluiu também a sessão solene, no Cineteatro Vianense, marcada pela poesia e pelo cante alentejano.

​Nas comemorações do 25 de abril, o destaque a nível cultural vai para os espetáculos musicais “As Ara”, na Sociedade União Alcaçovense, promovido pela Junta de Freguesia de Alcáçovas, “A Proximidade e o Lado Contrário”, no Cineteatro Vianense, e animação musical seguida de churrasco, em Aguiar, numa iniciativa da responsabilidade da Junta de Freguesia local e do Município de Viana do Alentejo.

De salientar também a exibição da longa metragem “Cinco dias, cinco noites”, a exibição de curtas metragens para os alunos da Escola Básica e Secundária Dr. Isidoro de Sousa, a apresentação do livro “Vermelho é o Nariz” de Antonieta Félix, o espetáculo infantil “Histórias do 25 de abril”, atividades dirigidas a crianças na Biblioteca Municipal de Viana do Alentejo, bem como uma arruada em Alcáçovas, promovida pela Sociedade União Alcaçovense.

Em termos desportivos realce para a “Urban Night Run” promovida pelo Sport Club Alcaçovense/Run e Sociedade União Alcaçovense, a Caminhada de abril que ligou as três freguesias ao Monte do Sobral, a Corrida da Liberdade e torneio da malha e de futsal, em Aguiar.

Na sessão solene que teve lugar no Cineteatro Vianense, dia 25 de abril, para além do Presidente da Assembleia Municipal, António Sousa e do Presidente do Município, Bengalinha Pinto, estiveram representantes das várias forças políticas – Joaquim Gomes, pelo PSD, Helena Torrão, pelo PCP, e Joaquim Viegas, pelo PS.

Durante a sua intervenção, o Presidente do Município afirmou que o 25 de abril trouxe uma “melhoria da qualidade de vida das populações, nomeadamente o acesso à educação, a melhoria generalizada das condições habitacionais e laborais, a criação do Serviço Nacional de Saúde e o apoio social aos mais desfavorecidos”.

No que diz respeito ao concelho de Viana, Bengalinha Pinto revelou que o atual executivo, a governar desde outubro de 2009, realizou “o maior investimento de sempre num mandato autárquico”, que considerou determinante para a melhoria das condições de vida das populações e para “o futuro sustentável do concelho”. São os casos da requalificação dos Centros Históricos de Alcáçovas e de Viana do Alentejo iniciada em 2013 e do Paço dos Henriques, em Alcáçovas. Ou ainda dos futuros investimentos na Escola Básica e Secundária Dr. Isidoro de Sousa, em Viana do Alentejo, e no Centro Social de Aguiar.

O autarca considerou ainda que são vários os desafios que o executivo tem pela frente, revelando que, para além da descentralização de competências do Poder Central para as Autarquias, tem ainda “o desafio demográfico, o desafio da interioridade, para lá dos permanentes desafios da conjuntura nacional e internacional”.

Bengalinha Pinto assegurou ainda que o Município continuará a investir, designadamente na “educação, no desporto, na ação social, na igualdade de género, no ambiente, na gestão de fundos comunitários, no movimento associativo, no desenvolvimento económico, na cultura e no emprego”.

© 2013 - Câmara Municipal de Viana do Alentejo Termos de Responsabilidades Condições de Privacidade made by |create| it |